Foto: Ueslei Marcelino/Reuters.

O filho do ex-presidente Jair Bolsonaro, Jair Renan, é alvo de dois mandados de busca e apreensão em operação da Polícia Civil do Distrito Federal, na manhã desta quinta-feira (24). A operação é contra um grupo suspeito de estelionato, falsificação de documentos, sonegação fiscal e lavagem de dinheiro.

Os mandados contra Jair Renan são cumpridos no apartamento onde ele mora em Balneário Camboriú, em Santa Catarina, e em um endereço no Sudoeste, área nobre de Brasília. O g1 tenta contato com defesa dele.

Ao todo, os agentes cumprem cinco mandados de busca e apreensão de dois de prisão.

De acordo com a apuração da TV Globo, Maciel Carvalho, de 41 anos, é um dos alvos de mandado de prisão. Ele é o suposto mentor do esquema e já foi alvo de duas ações da PCDF neste ano, a Operação ‘”Succedere” e “Falso Coach”. Maciel era instrutor de tiro de Jair Renan, filho de Bolsonaro, e já tinha sido preso em janeiro deste ano.

O grupo agiria a partir de um laranja e de empresas fantasmas, usadas pelo alvo da operação desta quinta-feira e seus comparsas. A apuração da reportagem aponta ainda que o grupo usava a falsa identidade de Antônio Amâncio Alves Mandarrari, usada para abertura de conta bancária e proprietário de pessoas jurídicas usadas como laranjas.

Confira mais detalhes na matéria de Rita Yoshimine, TV Globo.

Remo Fonseca, Prefeito eleito de Ipanguaçu na eleição suplementar ocorrida em março deste ano, vai conceder uma entrevista exclusiva nesta quinta-feira, 24 de agosto, nos estúdios da Rádio 104FM, ao apresentador Gean Carlos, a partir das 12h. Participa da entrevista também o vice-prefeito eleito do município, Sílvio Nobre.

Remo vai falar do trabalho que vem realizando nesses 5 meses de governo, os problemas que herdou da gestão anterior e os projetos futuros para Ipanguaçu.

Dra Rafaella

Foto: Vinícius Marinho/Inter TV Cabugi

Um laudo emitido pelo CREA-RN aponta que as oito moradias que desabaram parcialmente em Natal estavam em local inadequado. O fato ocorreu no conjunto Pirangi, localizado no bairro Neópolis, zona Sul da capital, durante a manhã da última segunda-feira (21).

O documento também indica que as casas estavam sem condições de estabilização, e que o fato de ser uma área de encosta facilitou o desabamento por contas das fortes chuvas.

No final do documento, o Conselho pede que “seja providenciado a elaboração de um laudo técnico por profissional adequado”.

A Prefeitura informou que as causas do desabamento estão sendo investigadas. No entanto, o laudo da Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura (SEINFRA) não tem data para conclusão.

A prefeitura afirmou em nota nesta quarta-feira (23) que, “os motivos do desabamento ainda estão sendo apurados e serão publicizados assim que o trabalho for concluído, sem que seja possível, no momento, mensurar um prazo”.

Tribuna do Norte

Carvalho


Foto: Juan MABROMATA / AFP

Pelo menos 94 pessoas foram detidas na Argentina na terça-feira, 22, após episódios de saques a supermercados e comércios em diferentes pontos da grande Buenos Aires. Autoridades locais disseram que as ações foram incitadas pelas redes sociais, com o objetivo de provocar desestabilização. Em meio à corrida eleitoral pela presidência, candidatos trocam acusações sobre as responsabilidades.

Os crimes ocorrem em meio à alta da inflação no país. Segundo relatos de testemunhas, os alvos preferenciais eram locais de bebidas e alimentos.

O Ministro da Segurança da Província de Buenos Aires, Sergio Berni, afirmou que na noite de ontem houve tentativas de roubo “de maneira coordenada” em centros comerciais dos subúrbios das cidades de Moreno, José C. Paz e Escobar. Um dos supermercados sofreu grandes estragos e os autores do ataque atearam fogo ao local, segundo imagens da televisão. Não há informações sobre feridos.

Inicialmente o governo havia apontado o número de 56 detidos, mas atualizou a informação nesta quarta-feira, 23. “Há 94 detidos hoje, neste momento, nas mãos da Justiça”, afirmou o governador de Buenos Aires, Axel Kicillof, em declarações à imprensa ao lado de Berni. Segundo ele, foram identificados ao menos 150 tentativas de saques.

“Não tenho dúvidas de que foi organizado”, afirmou Berni, em entrevista coletiva durante madrugada. “Depois de uma onda durante todo o dia incitando esses episódios de violência. Tem gente que tem a estupidez de pensar que quanto pior, melhor.”

As acusações foram reafirmadas por Kicillof hoje que disse que começaram a aparecer “imagens falsas” de “furtos em uma loja de eletrônicos e outra de roupas, inclusive com a intervenção de algumas figuras políticas”. Ele não especificou quem seriam essas figuras. “São fatos verificáveis que houve movimentação por redes sociais, grupos e redes oficiais de lideranças políticas falando sobre assuntos que não ocorreram”.

 

Por sua parte, o ministro da Segurança Nacional, Aníbal Fernández, defendeu a ideia de que os ataques não foram espontâneos, embora tenha realçado que o Executivo não dispõe de dados confiáveis sobre a autoria intelectual e anunciou a criação de um comando unificado para investigar os fatos.

 

No fim de semana, houve episódios similares nas províncias de Córdoba, Mendoza e Neuquén. Muitos negócios dos bairros de Once e Flores, na capital, caracterizados por suas lojas de roupa a preços baixos, alteraram suas rotinas por temer saques. Prefeitos da grande Buenos Aires denunciaram ontem que circulavam mensagens e notícias falsas sobre saques.

 

Segundo as autoridades, a situação estava sob controle nesta quarta. A polícia, porém, continuava a patrulhar e helicópteros sobrevoavam os subúrbios da capital.

 

Estadão Conteúdo

 

Dra Rafaella

Foto: Alerta São Gonçalo

A caixa d’água da Escola Municipal Joaquim Victor de Holanda, localizada no distrito de  Uruaçu, município de São Gonçalo do Amarante tombou sobre o telhado da unidade de ensino.

Segundo relatos da diretora da instituição, a caixa d’água não chegou a cair completamente, mas ficou inclinada, resultando no derramamento de uma parte do volume acumulado. Nenhum aluno ou membro da equipe escolar foi atingido durante o tombamento.

A diretoria da escola destacou ainda que o prédio é de propriedade do governo do Estado, enquanto a secretaria do município é responsável apenas por manutenções preventivas.

Por questões de segurança, a Prefeitura de São Gonçalo do Amarante suspendeu as aulas na Escola Municipal Joaquim Victor de Holanda. A previsão é que as aulas sejam retomadas somente na próxima segunda-feira (28), após avaliações e verificações minuciosas das condições estruturais da escola.

Por meio de nota, a Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC) informou que recebeu o pedido para doação do terreno da referida escola. O processo está em análise e cumprirá todas as etapas do rito público que a doação de um terreno requer na administração pública. A previsão é que em 30 dias esse documento possa ter sua análise concluída. Mas não existe impeditivo, por parte do Estado, que a prefeitura possa fazer intervenções no imóvel.

Portal da Tropical

Sorrir

Fotos: reprodução/Globo

Em uma sessão realizada nesta quarta-feira (23), a CPI das Pirâmides Financeiras aprovou a quebra de sigilo de Cauã Raymond e Tatá Werneck. A decisão consiste em uma nova etapa na investigação em torno das atividades da empresa Atlas Quantum. Ambos os artistas já haviam sido convocados a prestar depoimento perante a comissão, porém, graças a um habeas corpus obtido junto ao Supremo Tribunal Federal (STF), foram dispensados de comparecer.

Propagandas vinculadas à Atlas Quantum estão sendo investigadas pela CPI. O fundador da companhia também teve a quebra de sigilo bancário determinada pela comissão parlamentar.

A sessão ficou marcada pelo embate entre o deputado Glauber Braga (PSOL-RJ) e o presidente da CPI, Áureo Ribeiro (Solidariedade-RJ). Todos os membros da comissão votaram a favor da quebra do sigilo, exceto Braga, que foi o único a manifestar contra.

A defesa de Tatá Werneck emitiu uma nota sobre a decisão da CPI e afirma que “recebe com profunda indignação o pedido de quebra de sigilo, pois ela não praticou crime algum, apenas realizou uma propaganda, cinco anos atrás, quando nada havia que desabonasse a empresa”. “Como artista, ela não poderia jamais prever que a empresa se envolveria em fraudes anos depois. Admitir que os artistas sejam responsabilizados por possíveis erros futuros de empresas para as quais tenham feito propaganda – e que sequer continuam contratados – significaria o fim da publicidade no Brasil”, diz o texto, frisando ainda que a humorista “jamais foi sócia, investidora ou participou dos lucros da empresa, motivo pelo qual considera a quebra de sigilo absurda e totalmente descabida para o que se pretende investigar na CPI”. Os advogados da artista, Maíra Fernandes, Guilherme Furniel e Ricardo Brajterman, afirmam ainda que tomarão todas as medidas judiciais cabíveis.

A defesa de Cauã Reymond também foi contatada pelo F5, e não retornou até a última atualização desta reportagem.

F5 – Folha de S. Paulo

Foto: Reprodução/TV Câmara

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira (23) a medida provisória que aumenta o valor do salário mínimo para R$ 1.320. A MP já estava em vigor desde 1º de maio, e a aprovação da medida era necessária para garantir o valor reajustado até o final do ano. Do contrário, a MP perderia a validade e o valor do mínimo voltaria ao anterior, de R$ 1.302. Foram 439 votos a favor, um contra e uma abstenção. O voto contra o aumento do salário mínimo foi do deputado Luiz Lima (PL-RJ). O deputado pediu a palavra, explicou que o voto contra foi por engano.

O texto da MP aprovada traz ainda trecho que inclui uma política permanente de correção do mínimo – regras de correção automática do mínimo pela inflação – para garantir valorização do piso salarial nacional. A política prevê aumento real equivalente à variação positiva do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos anteriores ao de vigência do novo valor. A inclusão foi feita pelo relator da comissão mista, deputado Merlong Solano (PT-PI).

R7

Prolocar

Com 252 votos, a chapa Amar e Mudar as Coisas, encabeçada  pelo professor Jefferson Garrido (Fafic/Decom) venceu a eleição para a escolha da nova diretoria que vai comandar o Associação dos Docentes da UERN (ADUERN), no biênio 2023-2025

Foi a primeira vez em sua história que a ADUERN vivenciou um processo eleitoral com participação de três chapas. Além do grupo vencedor, também participou a chapa Autonomia e Valorização Docente, encabeçada por Neto Vale,  que teve 240 votos e a chapa  Um novo tempo , que tinha como candidata à presidenta a docente Maria José Vidal, e conquistou 120 votos

Representantes das três chapas acompanharam a apuração dos votos na sede da ADUERN, em Mossoró. Pela primeira vez a apuração foi transmitida ao vivo pelo canal da ADUERN no youtube.

A participação da categoria no processo eleitoral foi considerada muito expressiva comissão eleitoral. Dos 1009 docentes aptos a votar, foram contabilizados 615 votos válidos, o que corresponde a 61% do eleitorado.

O presidente eleito da ADUERN  Jefferson Garrido comemorou a vitória e garantiu que os próximos dias serão de articulação e diálogo com toda a categoria. Confira a fala dele

 

Confira o resultado da votação em cada Campus.

 

MOSSORÓ

 

Chapa 1: 46 votos

 

Chapa 2: 139 votos

 

Chapa 3:160 votos

 

ASSÚ

 

Chapa 1: 9 votos

 

Chapa 2: 33 votos

 

Chapa 3: 5 votos

 

NATAL

 

Chapa 1 – 33 votos

 

Chapa 2 – 43 votos

 

Chapa 3 – 16 votos

 

PAU DOS FERROS

 

Chapa 1: 18 votos

 

Chapa 2: 12 votos

 

Chapa 3: 49 votos

 

PATU

 

Chapa 1: 9 votos

 

Chapa 2: 10 votos

 

Chapa 3: 4 votos

 

Caicó

 

Chapa 1: 5 votos

 

Chapa 2: 15 votos

 

Chapa 3: 6 votos

Foto: Bia Azevedo

O ABC tem uma proposta de SAF nas mãos. Ao final do mês de julho, apurou o Globo Esporte, o Alvinegro recebeu, através da intermediação da Matix Capital, uma oferta avaliada em R$ 297 milhões. A empresa tem assessorado o clube neste processo e também participou da operação da venda do futebol do Botafogo.

O nome do investidor ainda está em sigilo, mas o aporte abarca um investimento de cinco anos em que, ao longo do período, o comprador assumiria as dívidas do clube, apoiando-se também em investimentos no futebol e patrimônio, como o estádio Frasqueirão.

De janeiro até aqui, empresários de Portugal e do eixo Rio-São Paulo estiveram interessados na SAF do ABC, mas sem avanços formais. Diferentemente de agora, quando houve a proposta – já levada, inclusive, na segunda-feira, ao comitê organizado pelo clube para tocar o assunto.

A proposta de R$ 297 milhões, embora oficial, ainda pode sofrer alterações nas condições de sua negociação, porque se trata de uma não vinculante.

Isto é, quando os interessados no negócio ou uma das partes pode desistir, uma vez que não firmaram compromisso definitivo, sem haver pagamento de multa. Ainda assim, foi dado o primeiro passo – que, se concretizado com um acordo pelo modelo de Sociedade Anônima do Futebol, segue os passos do maior rival, o América-RN.

Os detalhes

Anteriormente orçada no valor de R$ 15 milhões, a não vinculante, agora, está majorada para um aporte inicial de R$ 25 milhões pela compra de 90% do capital social do time potiguar – cujo montante seria embolsado de forma dividida pelo ABC, em até 24 meses após o ato do fechamento da operação.

Os termos do negócio ainda contemplam projeções de investimento ano a ano por participação em campeonatos brasileiros – sendo o maior aporte deles, de R$ 65 milhões, se o time potiguar estiver na Série A.

ge, por Camila Sousa e Augusto César Gomes

Sorrir

A direção do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do Estado do Rio Grande do Norte (Sinsp) foi informada pelo Banco do Brasil que o empréstimo consignado para servidores públicos estaduais voltou a ser suspenso na instituição bancária. A informação foi repassada nesta terça-feira, 22.
Para o Sinsp/RN, “a novidade, que não é tão nova infelizmente, ressurge após o secretário da Fazenda, Carlos Eduardo Xavier, culpar o último bloqueio do serviço no pedido que o Estado havia realizado ao BB para trocar a data de débito dos empréstimos junto ao banco”.
E prossegue: “A então informação do secretário confrontava os relatos do próprio Banco do Brasil, de que o Estado não repassava os valores das parcelas dos servidores há dois meses. Situação que se repete, de acordo com o Banco”.
Neste momento qualquer servidor do Estado que procure o BB ou um correspondente bancário ouvirá que o consignado não está disponível, afirma o sindicato.
A presidente do sindicato, Janeayre Souto, questiona: “Será que o governo pediu para trocar a data de débito novamente ou a história não era bem assim? Sendo uma coisa ou outra, o que importa de verdade é que mais uma vez os servidores são penalizados sem poder ter acesso a novos créditos, e sem poder saber a sua margem junto ao banco. A sociedade não pode observar isso com normalidade”.
Fonte: Samuel

Prolocar

Por Eliane Santos e Rafael Nascimento, g1 Rio

Troca de mensagens de Larissa Manoela com a mãe — Foto: Reprodução

Troca de mensagens de Larissa Manoela com a mãe — Foto: Reprodução

A delegada Rita Salim, da Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi), disse que vai começar a ouvir esta semana os envolvidos no inquérito que apura um possível caso de racismo religioso cometido pela mãe da atriz Larissa Manoela.

A investigação foi aberta na terça-feira (22), a partir de uma notícia-crime de discriminação e preconceito de religião feito pela Comissão de Combate à Intolerância Religiosa do Rio.

A investigação vai apurar se a pedagoga Silvana Taques Elias dos Santos, de 51 anos, cometeu crime em uma mensagem enviada à filha, a atriz Larissa Manoela.

Silvana usou o termo “macumbeira” ao se referir à família do noivo da atriz, André Luiz Frambach, que é espírita kardecista. O termo é considerado pejorativo para se referir a religiões de matriz africana.

Leia Mais no G1

Carvalho

Foto: Reprodução.

O advogado Mizael Izidoro, que defende o dono da página de humor Joaquin Teixeira, anunciou, nesta terça-feira, 22, que o perfil pode sair do ar. Isso porque o Ministério Público Federal (MPF) denunciou Teixeira, por suposta homofobia e xenofobia.

“Não há nada que indique, nem mesmo de longe, sombra de ilegalidade em qualquer postagem do Joaquin Teixeira”, disse Izidoro. “Mesmo assim, o MPF pediu o fim dele.”

De acordo com Izidoro, entre outras medidas para manter o personagem no ar, está o pagamento de “pesadas multas”. Teixeira tem 550 mil seguidores só no Twitter e é um fenômeno nas redes sociais, em virtude de publicações politicamente incorretas e comentários jocosos sobre autoridades.

“Não há piada nesta postagem: Como comentei aqui, tomei conhecimento de que autoridades estavam procurando @JoaquinTeixeira. De início acreditei ser uma brincadeira, mas era sério: O Ministério Público Federal denunciou criminalmente Joaquin Teixeira por … PIADAS!”, disse Mizael Izidoro Bello pelo twitter.

“Joaquin Teixeira necessita, mais do que nunca, do apoio dos seus admiradores e fãs”, escreveu Izidoro. “Peço ainda o apoio de outros comediantes, entre eles Mau Meirelles, Léo Lins, Victor Sarro e outros que também sejam contra a censura judicial a quem apenas tenta trazer um pouco de alegria aos brasileiros.”

Confira mais detalhes na matéria de Crystian Costa, Revista Oeste.

Carvalho

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebon/Agência Brasil.

O ex- presidente Jair Bolsonaro (PL) foi internado na manhã desta quarta-feira (23/8), no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo. Ele foi atendido e está sob os cuidados do médico pessoal dele, Antônio Macedo.

Macedo é um renomado cirurgião de São Paulo, e ficou mais conhecido após realizar a cirurgia de Bolsonaro após o incidente da facada.

Na semana passada, Bolsonaro realizou uma harmonização orofacial, procedimento feito na face e na boca, em uma clínica de Goiânia. O resultado foi divulgado em fotos e vídeos publicados pelo dentista Rildo Lasmar, e de acordo com ele, não houve complicações.

Metrópoles.

Dra Rafaella

A edição 2023 do Ranking de Competitividade dos Estados, criado há 12 anos e que será divulgado nesta quarta-feira, 23, mostra uma repetição do aumento da desigualdade dos seus territórios, com dois “grandes brasis”. Estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste se mantêm no topo da lista, e os do Norte e Nordeste seguem abaixo.

Além de mais atrasadas, as duas regiões são as mais afetados pelo aumento da pobreza acentuado pela pandemia. Em cinco de suas unidades federativas,10% das famílias vivem abaixo da linha de pobreza. Em 2016, não havia nenhuma nessa condição. Do lado positivo, os Estados em geral avançaram em responsabilidade fiscal.

Na edição deste ano, o RN está na 23ª colocação nacional e é o oitavo na região Nordeste. Em 2022, o Estado era o 20°.

Confira abaixo o ranking completo:

Com informações de Estadão Conteúdo

Dra Rafaella

Fotos: Divulgação.

Segundo a denúncia do Ministério Público Federal, o estelionatário Walter Delgatti invadiu as redes sociais de 176 pessoas, utilizando técnicas que conciliavam a exploração de uma brecha no sistema de telefonia móvel com um esforço de engenharia social para ter acesso ao histórico de mensagens.

A lista de pessoas hackeadas por Delgatti apresenta convergências. A maioria das vítimas são personalidades, como ministros, jornalistas ligados a grandes emissoras, empresários e políticos influentes. De acordo com laudo pericial, um seleto grupo composto por 30 pessoas, das quais o ex-ministro da Economia, Paulo Guedes, fazia parte, era monitorado em tempo real.

O relatório ainda especifica que no momento da realização da perícia, “dos 176 atalhos acima citados, 110 estavam ativos e realizando a interceptação das comunicações telefônicas das vítimas”. O empresário Abilio Diniz e o ex-ministro da Educação, Abraham Weintraub, encabeçam a lista de pessoas que tiveram contas violadas pelo hacker, seguidos pelo deputado Baleia Rossi (MDB-SP), os senadores Davi Alcolumbre (União-RJ), Cid Gomes (PDT-CE), Sérgio Moro (União-PR), Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (MDB-RJ),o humorista Gregório Duvivier e até a influenciadora Dora Figueiredo.

O relatório foi gerado no contexto da operação ‘Spoofing’. A denúncia da PGR pesou na condenação de Delgatti a 20 anos por invadir os dispositivos telemáticos de autoridades. No momento, o hacker de Araraquara está detido no escopo das investigações sobre suposta tentativa de fraude nas eleições de 2022.

Deborah Sena, Diário do Poder.

Sorrir

Foto: Gilli Maia/O Câmera.

Servidores do Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep/RN) devem realizar ainda nesta semana a perícia na fábrica de produtos de limpeza atingida por um incêndio, na cidade de Mossoró, interior do estado. O local foi tomado pelas chamas após a explosão na última segunda-feira (21).

Segundo um dos sócios do estabelecimento, no momento do acidente, 10 funcionários estavam trabalhando no manuseio de essências. Dois deles sofreram queimaduras e foram levados para o Hospital Regional Tarcísio Maia. Uma das vítima já recebeu alta, a outra segue em observação na unidade hospitalar.

De acordo com informações dos próprios funcionários, o incêndio começou por volta das 20h. Militares do Corpo de Bombeiros foram acionados e trabalharam por cerca de 4 horas no combate as chamas. Por apresentar risco de desabamento, parte do prédio foi interditada.

A fábrica produzia sabão em pó, lava-roupa líquido, esponjas e pedras sanitárias. Ainda não se sabe ao certo o que pode ter provocado o incêndio.

Novo Notícias.

Sorrir

Foto: Apib/Divulgação

O projeto do marco temporal das terras indígenas deve ser votado nesta quarta-feira (23) na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) do Senado. Existe um acordo de líderes para isso, mas o governo tenta frear o andamento da matéria. Uma audiência pública com representantes dos povos originários vai ser realizada antes da votação e a avaliação de parlamentares contrários à proposta é é de que o debate pode trazer elementos para arrastar a discussão.

O marco temporal cria a tese jurídica de que os povos indígenas têm direito a terras que ocupavam ou já disputavam na data de promulgação da Constituição, em 5 de outubro de 1988. O tema é controverso e a bancada ambientalista teme perda de direitos fundamentais dos povos originários.

R7

Polícia Civil cumpre seis mandados de busca e apreensão em Ceará-Mirim – Foto: Divulgação/PCRN

Policiais civis da 22ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Ceará-Mirim) deflagraram, nesta terça-feira (22), a Operação “Standard”. O seu objetivo é investigar a prática de tráfico de drogas no município de Ceará-Mirim. No decorrer das diligências, foram cumpridos seis mandados de busca e apreensão. Aparelhos celulares, documentos, gravadores digitais de vídeo, dentre outros objetos encontrados e apreendidos, serão analisados no âmbito da investigação.

Os tribunais superiores, ao julgarem a prática de tráfico de drogas, têm demandado um “standard” (padrão) probatório consistente. Nesse sentido, a Polícia Civil do Rio Grande do Norte (PCRN) tem apresentado um trabalho investigativo cada vez mais qualificado e coeso. Os objetos apreendidos serão periciados e a investigação continuará.

A operação contou com o apoio do Núcleo de Operações com Cães (NOC), de equipes da 14ª Delegacia de Homicídios e de Proteção à Pessoa (Ceará-Mirim), da 4ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Natal), da 20ª Delegacia de Polícia Civil (DP de Macaíba), da Delegacia Especializada de Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas de Natal (DEPROV/Natal), da Delegacia Especializada de Atendimento ao Adolescente Infrator de Natal (DEA/Natal), da Delegacia Especializada de Narcóticos de Natal (DENARC/Natal), da Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher de Macaíba (DEAM/Macaíba), e da Delegacia Especializada de Proteção ao Idoso e à Pessoa com Deficiência de Natal (DEPID/Natal).

Dra Rafaella

Foto: Arquivo Pessoal

Uma história de profunda comoção tocou a pequena cidade de Santa Cruz, situada na região de Sousa, no Sertão paraibano. Francisco Antunes Sobrinho, mais conhecido como Francinaldo, de 52 anos, e Eduardo Antunes da Silveira, 38, ambos autônomos, perderam suas batalhas contra o câncer no mesmo dia. Os irmãos lutavam contra a doença desde 2021. A dupla descobriu sua condição apenas com um mês de diferença.

Eduardo Antunes, motorista de ônibus, lutava contra um câncer no intestino, diagnóstico que veio após uma cirurgia. Ele buscava tratamento de quimioterapia na cidade de Fortaleza, no Ceará. Por sua vez, Francinaldo enfrentava a doença que acometeu seu fígado e reto. Suas sessões de quimioterapia eram realizadas em João Pessoa, capital paraibana.

Um terceiro irmão, João Antunes Neto, relatou que estava acompanhando Eduardo até o momento de sua morte. Quando o corpo de Eduardo estava sendo liberado, Francinaldo deu entrada no mesmo hospital. Ele passou o dia internado e morreu no final da noite.

“Eles eram tão unidos que morreram na mesma cama de hospital. Foram os momentos de maior sofrimento da minha vida e da vida da minha família inteira”, compartilhou João Neto.

A história desses irmãos comoveu a cidade. Eduardo foi sepultado às 17h do sábado (19), enquanto Francinaldo teve seu enterro às 17h30 do domingo (20), ambos no Cemitério Público de Santa Cruz. Amigos e familiares se uniram em solidariedade para dar adeus aos irmãos que compartilharam a vida e a luta contra a doença.

O prefeito de Santa Cruz, Paulo César, decretou luto oficial de três dias pela morte dos irmãos, que eram amplamente conhecidos na região. Tanto o prefeito quanto o presidente do poder Legislativo, John Silveira, expressaram suas condolências e lamentaram a perda.

Metrópoles

Carvalho

A Associação dos docentes da UERN ( ADUERN) elegerá uma nova diretoria amanhã (23).

A disputa pela entidade, no biênio 2023-2025, tem três chapas postulantes e a votação será realizada das 8h às 20h, com seções eleitorais nos cinco campi da universidade e na sede da Aduern, em Mossoró.

Para votar o eleitor precisa ser sindicalizado e estar em dia com suas contribuições. A lista dos aptos a votar pode ser consultada clicando aqui.

Na hora da votação é necessário apresentar um documento com foto. Eleitores e eleitoras em trânsito podem votar tranquilamente em qualquer uma das seções.

A apuração dos votos será realizada a partir das 20h na sede da Aduern e o resultado será transmitido ao vivo no canal do sindicato no youtube

Debate – O sindicalizado realizou na noite de ontem (21) o debate entre as chapas que disputam o pleito. O evento foi transmitido na íntegra e pode ser assistido aqui. Confira

Chapas – Pela primeira vez na história da ADUERN, três chapas disputam o pleito. Confira as nominatas

Chapa 1 – Um novo tempo 

Maria Jose da C. Souza Vidal – Presidenta

 Emanuela Rutila Monteiro Chaves –  Vice-Presidenta

Silvana Maria Santiago – Secretária

Valdicley Eufrausino da Silva – Secretário-adjunto

Jovelina Silva Santos – Tesoureira

 Otoniel Fernandes da S. Junior – Tesoureiro-adjunto

Leila Maria de Araújo Tabosa – Diretora de Cultura, Esporte e Lazer

Daniel Augusto de Lima Mariano – Diretor de Cultura, Esporte e Lazer adjunto

Izabel Calixta de Alcantara- , Diretora do Setor de Aposentados

Aluizio Lins de Oliveira – , Diretor do Setor de Aposentados adjunto

Chapa 2 – Amar e mudar as coisas

Jefferson Garrido A. Neto – Presidente

Magda Fabiana do A. Pereira – Vice-Presidenta

 Juce Ally L. de Melo – Secretária

 Ana Elilia T. B. Cavalcanti – Secretária-adjunto

 Wanderson L. de Oliveira – Tesoureiro

 Leonildo Tchapas – Tesoureiro-adjunto

 Gulherme P. de Carvalho – Diretor de Cultura, Esporte e Lazer

 Regina Célia P. Marques – Diretor de Cultura, Esporte e Lazer adjunta

 Maria Luzinete Cabral  – Diretora do Setor de Aposentados

Mariza Cardoso P. da Mata Diretora do Setor de Aposentados adjunta

Chapa 3 – Autonomia e Valorização Docente

Raimundo Nonato do Vale Neto – Presidente

Edilene Rodrigues Barbosa – Vice-Presidenta

 Josenildo Oliveira de Morais – Secretário

 Joseane Abilio de Sousa Ferreira – Secretária-adjunta

 Antonio Gautier Farias Falconieri – Tesoureiro

Aione Maria da Costa Sousa – Tesoureira-adjunta

 Emilio Soares Ribeiro – Diretor de Cultura, Esporte e Lazer

 Lucia Helena Medeiros da Cunha – Diretora de Cultura, Esporte e Lazer adjunta

Vera Lucia de Abreu – Diretora do Setor de Aposentados

 Adalzira Nunes de Carvalho – Diretora do Setor de Aposentados adjunta

Sorrir
RN Cred
Box Pai e Filho
Moto
*AGORA EM ASSÚ, “MYPHONE IMPORTS”, O LUGAR CERTO PARA COMPRAR O SEU CELULAR! PASSA LÁ!*
Drogaria Sta Rita
Bode

Facebook